Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Sonetos’ Category

Soneto

SONETO
Passa a saudade do que foi e é morto.
Passa a glória que eu quis e me fugiu.
Passam as própias visões do mundo e a vida,
E é sonho quanto tive em minhas mãos.
Passam as flores nascidas mais perfeitas.
Passa a beleza, e a dor, passam tormentos.
Passa essa angustia diante do eterno nada.
Que não passa, Senhor, todo momento?

De incerteza em incerteza, a vida corre,
E nos mudamos nós,de instante a instante.
O que foi, ele própio, sofre muda.

Só não passa este amor passageiro.
Só não muda este amor que é tão mudável.
Só este amor incerto é certo em mim.

Anúncios

Read Full Post »

Soneto de Fidelidade

Soneto de Fidelidade

                              Vinicius de Moraes


De tudo ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento.

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim, quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.

 

Read Full Post »